Foi confirmada a presença da subespécie da bactéria até agora identificada Xylella fastidiosa subsp. multiplex ST7, em 4 novos locais, nos concelhos de Vila Nova de Gaia e Santa Maria da Feira.

Foram identificadas, na zona demarcada, várias plantas infectadas, até à presente data, tais como, oliveiras, azevinhos, carvalhos, laranjeiras, loendros, acácias, etc.

Assim procede-se a um novo alargamento da zona demarcada, conforme determinado pelo artigo 4.º do Regulamento de Execução (UE) n.º 2020/1201 e nos termos do artigo 5.º da Portaria n.º 243/2020, de 14 de Outubro.

De acordo com o Despacho n.º 48/G/2022 é determinada a actualização da zona demarcada para Xylella fastidiosa e as medidas que permanecem aplicáveis para a erradicação da bactéria de quarentena.




13-06-2022
 

"Informar para Desenvolver + " Operação 2.1.4 Ações de Informação
Ficha de Projecto
©InforCNA 2017 - desenvolvido por Softimbra2, Agroinformática