A Direcção-Geral de Alimentação e Veterinária (DGAV ) relembra através do Aviso PCEDA (Plano de Controlo e Erradicação da Doença de Aujeszky) que, no mês de Agosto, decorre mais um período obrigatório de Declarações de Existências de Suínos (DES).


A declaração das existências de suínos poderá ser efectuada directamente pelo produtor na área reservada do portal do Instituto de Financiamento da Agricultura e Pescas (IFAP), ou em qualquer departamento dos Serviços de Alimentação e Veterinária Regionais ou ainda nas organizações de agricultores protocoladas com o IFAP.

A declaração das existências de suínos é considerada uma medida sanitária que visa o combate à Doença de Aujeszky ou pseudo-raiva, sendo que o seu não cumprimento acarreta penalizações.

Os detentores de suínos são obrigados a proceder à declaração das existências três vezes por ano, em Abril, em Agosto e em Dezembro, informando o número e a categoria de animais que possuem. Todavia, encontram-se dispensados os criadores que possuem até quatro porcos, visto ser considerado detenção não comercial, apenas para auto-consumo.

Para mais informações consulte o Portal da DGAV, ou contacte os postos de atendimento da CNA e das suas Filiadas, distribuídos pelo território nacional. 




18-07-2019
 

"Melhorar a Informação, Promover o Futuro" Operação 2.1.4 Ações de Informação
Ficha de Projecto
©InforCNA 2017 - desenvolvido por Softimbra2, Agroinformática